Ir para a Home

HOME

Novo plano de carreira da PM vai agilizar promoções

A mudança vai possibilitar a promoção de 27.282 policiais em praticamente todos os postos

O novo plano de carreira da Polícia Militar, anunciado pelo governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, vai permitir que os policiais sejam promovidos de patente em menor tempo.
De imediato, a mudança vai possibilitar a promoção de 27.282 policiais em praticamente todos os postos da corporação.

A principal patente beneficiada será a de soldado, sendo 21.617 que passarão a cabo até abril do ano que vem. Outros 5.665, entre sargentos e oficiais, também serão promovidos.

Além das promoções, a mudança vai permitir que os soldados que tenham mais de cinco anos prestem concurso e subam direto à patente de sargento.

Hoje, ele precisa antes ser promovido a cabo – o que pode levar até 22 anos, quando a promoção ocorre por antiguidade.

No caso de sargentos, as promoções vão atingir 5.050 policiais. A maior parte, terceiro sargentos que subirão um degrau na hierarquia da PM.

Há também promoção de 541 tenentes – sendo 257 deles promovidos a capitão – e 74 capitães a major.
As promoções, que acontecem em abril e maio, e as outras medidas do plano vão permitir que os aumentos salariais recebidos pelos policiais cheguem até 24 - índice que será aplicado aos soldados de primeira classe promovidos a cabo.

As promoções dos 27 mil policiais representarão um investimento de R$ 111 milhões ao ano por parte do governo estadual.

Comunicação Social